Os Lusíadas

Luís Vaz de Camões
A maior obra épica portuguesa completa e com todos os seus cantos. Podem-se assim referênciar estrofes únicas.

Canto V

81/100
"E foi que de doença crua e feia,
A mais que eu nunca vi, desampararam
Muitos a vida, e em terra estranha e alheia
Os ossos para sempre sepultaram.
Quem haverá que, sem o ver, o creia?
Que tão disformemente ali lhe incharam
As gengivas na boca, que crescia
A carne, e juntamente apodrecia.
  •  


 

blog comments powered by Disqus

Junta-te!
Ainda não tens personagem ?!

Todos os
Nomes Portugueses

"Os Lusíadas" de Luís Vaz de Camões
O estudo desta grande epopeia portuguesa é obrigatória no secundário em Portugal e no Brasil.

Contacto| Deseja patrocinar oslusiadas.org ? Envie-nos um email!